Quem acompanha no instagram viu que fui convidado a participar do Global Services durante 2019, isso em decorrência de ter voado bastante com a United em 2018 nas cabines premium pagante. Mas por que escolhi o programa da United?

O Mestre das Milhas tem pouco mais de 7 anos de existência combinados os posts “amadores” no Blogspot ainda, e desde lá eu sempre voei com a American Airlines, cia aérea que me concedeu o status Concierge Key por diversas vezes.

Ocorre que para o meu perfil de viagem (EUA e Ásia-Pacífico) eu tenho a sorte de poder escolher entre 3 cias aéreas que bem serve essas regiões que é a American, United e Delta.

A Delta é uma excelente cia aérea com um serviço de bordo muito bom, mas sempre evitei pelo fato de possuir um programa de fidelidade ruim e não recompensar em nada. Com isso sempre fiquei entre United e AA, mas no início a AA vencia em função de 3 coisas:

  • Upgrades podem ser aplicados em qualquer classe tarifária
  • 8 SWUs ao requalificar anualmente com a possibilidade de receber mais
  • Concierge Key

Ocorre que em 2017 a AA não renovou o Concierge Key e além disso diminuiu o número de SWUs para 4 com a possibilidade de receber mais 4 apenas. Os SWUs ainda podem ser aplicados a qualquer classe tarifária.

Hoje com a United nós temos:

  • 6 SWUs ao requalificar anualmente com a possibilidade de receber ilimitados a cada 25K PQM.
  • Isenção de gasto mínimo para qualificação elite para brasileiros
  • Global Services

Seria burrice de minha parte continuar voando com a American, cia aérea da qual já possuo mais de 2 milhões de milhas vitalícias que garante somente o status Platinum Lifetime.

Na United com 4 milhões de milhas vitalícias você recebe o Global Services para você e para um parceiro para o resto da vida, e além disso tem mais benefícios de upgrade do que a American Airlines atualmente.

Ambas as cias aéreas exigem um gasto anual mínimo somente com passagens aéreas de 15 mil dólares para qualificação a partir de 2019, mas na United essa exigência é isenta para os brasileiros, permitindo que você alcance o status máximo sem dispender grandes somas.

A única desvantagem seria mesmo a questão da tarifa para upgrade, mas convenientemente as tarifas com possibilidade de upgrade da United estão mais baratas que a da American Airlines, o que parece até uma força invisível da United chamando.

Então é isso, resolvi escrever esse post, pois muitos me perguntam e enviam mensagens indagando sobre a minha preferência, que em função do meu perfil e retorno futuro é o Mileage Plus da United hoje.

Por uma coincidência da vida a AA concedeu o CK novamente, mas tendo em visto a direção do programa bem como a administração atual da cia aérea, realmente não vale a pena trilhar esse caminho, até porque nunca gastei mais de 6 mil dólares com passagem aérea no ano.

Atualmente é mais interessante utilizar a United Airlines e seu programa de fidelidade com o meu perfil. Se você tem perfil parecido pode fazer o mesmo. Além disso as milhas da United são muito valiosas, pois com 65 mil é possível voar de Primeira Classe da Thai, você até pode conferir vendo o vídeo aqui, sem contar nos voos da Singapore, Lufthansa, Swiss, EVA, entre outras da Star Alliance.

A United está também com uma excelente promoção de compra de milhas com 85% de bônus, e os valores são muito mais atrativos do que a American. Clique aqui para conferir essa promoção direto no site oficial deles. Estou muito satisfeito com o rumo que estou escolhendo. E você? Já tomou alguma decisão para 2019?

P.S.: A United está com excelentes tarifas em business principalmente no Submarino Viagens que você ainda acumula pontos Livelo.