A Smiles anunciou hoje que estará alterando as regras de acúmulo nos voos operados pela GOL. De acordo com a empresa a nova modalidade de acúmulo será igual a que já tivemos no passado, quando à época as tarifas light e promo não pontuavam. Veja como ficou:

E agora? O programa smiles tem alguns pontos positivos, mas essa mudança prejudica mais a GOL do que a Smiles em si, pois atualmente é muito fácil conseguir milhas smiles sem ser voando.

Para o passageiro que quer ganhar milhas ao voar então só passam a existir 2 escolhas, a Latam ou a Azul. Mas e se precisar voar de GOL? Então você emite milhas smiles. E no caso de você não possuir milhas smiles, você acaba ficando estimulado a comprar nas empresas que vendem passagens de milhas, que na maioria do tempo é mais barato que a passagem pagante.

Com isso, caso todos os passageiros utilizassem o maior retorno possível, a Gol estaria em uma situação delicada, pois em se tratando de tarifas promocionais é muito melhor comprar em agência de milhas, já que não irá pontuar mesmo, ou ainda resgatar milhas smiles, que são fáceis de serem adquiridas.

Em plena pandemia é uma atitude equivocada por parte da empresa de fidelidade que terá mais reflexos na cia aérea do que no programa em si. E você? O que achou dessa mudança? Deixe sua opinião na seção de comentários abaixo.

Você já viu a tarifa de Porto Alegre a Nova York na nova classe executiva da Delta por menos de 3.800 reais ida e volta? Clique aqui para ver.