Muita gente tem pedido para ser feito um artigo sobre o Mercado Pago, que atualmente, por si só é uma grande forma de acumular pontos pagando os boletos com o cartão de crédito sem custo algum. 

Realmente isso tem sido um auxílio e tanto para “fabricar” pontos, pois é possível pagar contas de Luz, Gaz, Impostos, em suma, qualquer boleto com o aplicativo, que ao aprovar o pagamento emite um comprovante na hora para você. Algumas contas podem vir a ser negadas, mas o aplicativo avisa na hora. Também o único boleto que não conseguimos pagar foi o do cartão de crédito, aqueles que terminam com a sequência de Zeros, embora já tivemos relatos de pessoas que conseguiram isso no passado.

Agora se você for viajar, existe um método para você “fabricar” pontos mesmo completamente de forma gratuita, porém é necessário que você ou algum conhecido tenha conta no exterior. Preste muita atenção.

Uma das melhores formas de se praticar câmbio hoje é pelo uso do Transferwise, o que já falamos disso, e você pode ler com mais calma clicando aqui. 

O transferwise permite transferências de até 10 mil reais, e é emitido um boleto para você pagar para concretizar essa transferência. Vamos supor que você tem um cartão de limite de 30 mil reais. Você pode fazer 3 transferências de 10 mil e pagar o boleto com o aplicativo do Mercado Pago. Com isso, a sua conta só irá vir em algo em torno de 1 mês depois.

Uma vez que você esteja no exterior poderá sacar o dinheiro, e trazer de volta para o Brasil para pagar o seu cartão de crédito, e com isso quitar o débito do boleto pago com o Mercado Pago, e pronto, você acaba de fabricar 30 mil reais em pontos de forma gratuita.

Porém pode surgir uma perguntar: E se o dólar subir? A resposta é: “Torça para o dólar subir”, pois quando você faz uma transferência pelo Transferwise paga algo próximo a cotação comercial, e supondo que você pagou 30 mil reais por 9.230 dólares (1USD = 3,25 BRL), caso o dólar venha a subir para 3,30 por exemplo, você quando retornar ao Brasil terá mais dinheiro em real, e ainda lhe restará um pequeno lucro. Obviamente a recíproca é verdadeira, e se o dólar cair, aí sim, nesse caso você terá um pequeno prejuízo, porém mitigado pela pontuação que você irá fabricar. Veja o esquema abaixo:

Considerando o dólar a 3 Reais para fins didáticos:

Transferência de 30 mil Reais = 10 mil dólares ( 10/15/20/22 mil pontos a depender do cartão)

*Você pode receber mais pontos caso seu cartão esteja oferecendo uma promoção de meta de gastos, como por exemplo Cartão AA Santander Black nessa fatura pontuaria 12 mil pontos extras.

*Se o dólar subir é lucro.

Existe o risco de o dólar cair, porém esse risco no cenário atual é baixo, pois o dólar tem oscilado entre 3,20 e 3,30, e você ainda tem um tempo para trocar o dólar de volta para real num momento mais conveniente para você.

Essa é uma forma muito vantajosa para quem já precisa ir para o exterior e tem a opção de utilizar o Transferwise em conjunto com o aplicativo do mercado pago, que atualmente não tem cobrado pelo pagamento de boletos, mas não sabemos até quando isso vai durar.

Fica o alerta aqui para você não fazer isso de forma frequente como especulação financeira, pois isso não se trata de um investimento, e sim uma forma de “fabricação” de pontos. Também aconselhamos a fazer uma quantia razoável de forma que você possa estar protegido em caso de uma queda significativa do dólar, o que é difícil de acontecer, mas não impossível.

Cabe a cada um utilizar esses mecanismos conforme sua consciência, cabendo a nós apenas divulgar a sua possibilidade. Para quem já precisaria de câmbio normal para o exterior e pode utilizar o Transferwise é um excelente negócio, bem como aqueles que precisam bater metas de gasto por ocasião de promoções de cartão de crédito. O que você achou?