A pedidos estou escrevendo esse post que acredito que possa ajudar muita gente, pois em virtude do post do Transferwise, muitos gostariam de saber se é possível abrir uma conta nos EUA, e como proceder para tal.

Em primeiro lugar é de extrema importância ressaltar que é completamente legal abrir uma conta em qualquer banco no mundo, e não existe nada de errado nisso. A única exigência por parte do Governo Brasileiro é que essa conta seja declarada no Imposto de Renda caso você tenha saldo igual ou superior a 140 Reais na data do dia 31 de Dezembro anterior ao ano da declaração convertidos no mesmo dia pelo câmbio fornecido pelo Banco Central do Brasil. Caso você nem tenha esse saldo, nem é necessário então declarar a existência dessa conta. Existem aqueles também que retiram o valor dia 31/12 e redepositam no dia 1/1 seguinte para evitar declarar.

Atualmente nos EUA é muito fácil abrir uma conta em qualquer banco, sendo os três mais recomendados por ser fácil, e os funcionários já estarem acostumados, o Citibank, o Bank of America, e o Chase. Para abrir uma conta em quaisquer desses três bancos não é necessário ter endereço nos EUA, bastando informar o seu endereço no Brasil, e fornecer 2 peças de identidade com foto, uma o passaporte e geralmente a outra a carteira de motorista. Os Bancos também aceitam as identidades do Detran, SSP, OAB, entre outras. 

Esses três bancos mencionados acima tem algo em comum, no caso de você optar por abrir uma conta básica, se você manter um saldo mínimo de 1.500 dólares americanos não será necessário pagar tarifa de manutenção, ou ainda se receber 1 depósito direto por mês na conta, caso contrário será cobrado uma tarifa de 12 dólares mensais. Todas as contas anteriormente mencionadas fornecem cartão de débito.

Mas por que abrir uma conta nos EUA? Pode parecer estranho, mas mesmo pagando a tarifa de 12 dólares mensais você irá sair no lucro, pois utilizando o transferwise, o que você economiza de câmbio praticamente reverte para você, e ainda quando utilizar seu cartão de débito dos EUA não irá desembolsar IOF. Então vamos para um cálculo exemplificativo no dia de hoje.

Supondo que eu queira gastar 2 mil dólares em uma viagem aos EUA incluindo alimentação, hospedagem, e compras, caso:

  • Use o cartão de crédito, o valor aproximadamente a ser cobrado será de 7.155 Reais;
  • Compre moeda em espécie na casa de câmbio, o valor aproximadamente será de 6.780 Reais;
  • Utilize o Transferwise para enviar a quantia ao exterior, o valor será aproximadamente de 6.400 Reais.

Então você pode perceber que a economia foi de no mínimo 380 Reais o que equivale a pouco mais de 120 dólares ( 1 ano de taxa de manutenção do Banco). Daí você pergunta: Mas então não seria troca de moeda? A resposta é negativa, porque existem diversos benefícios de você ter uma conta nos Estados Unidos, como por exemplo evitar de carregar altas quantias de dólar em espécie, maior segurança, seu dinheiro fica guardando em dólar evitando flutuações no câmbio.

O Exemplo acima é o “Break-Even”, ou seja, com 2 mil dólares você já “nivela” a taxa do banco, e o que vier depois é lucro, sendo que você viaja bastante para os EUA vale muito a pena, e a partir daí as portas começam a se abrir para você, que será a próxima postagem de como vamos ensinar você a conseguir um cartão de crédito americano, que não cobra taxas por compras no exterior, e ainda te dá pontos de volta. Se ainda restar alguma dúvida por favor deixe nos comentários, e evitem de enviar email direto para o Blog, pois na seção de comentários todos podem ler, e aprender com o seu questionamento. Boa Viagem.

*Imagem retirada do Boston Globe.