Primeiramente pedimos desculpas pelo atraso, mas em função da viagem e conexão limitada não temos como publicar em tempo real alguns comunicados. Pois bem, a TAP entrou em contato conosco e informou que a empresa honrará todas as passagens que iniciem a viagem até o dia 30 de Junho de 2019.

A empresa ainda afirmou que não decidiu o que irá fazer após essa data e que a situação continua em análise. É preciso destacar que a decisão da empresa nesse momento se mostra irrelevante visto que já existe uma liminar favorável que abrange todo o território nacional proferida pela comarca de Mato Grosso do Sul em processo movido pelo MP Estadual daquele Estado, o qual você acessa clicando aqui.

É importante ressaltar que essa foi apenas a primeira decisão de caráter coletivo exarada, pois certamente as repartições responsáveis de outros Estados do Ministério Público deverão ingressar com ação similar.

Aqui vai uma sugestão para a TAP, que honre todas as passagens emitidas com pontos do programa Amigo, pois da forma de como tudo está se desenrolando, o prejuízo poderá ser muito maior para a empresa se essa teimar em não honrar os bilhetes emitidos.

O que mais nós desejamos é que haja concorrência no mercado brasileiro, pluralidade de empresas no setor e que todas respeitam o consumidor da forma mais ampla possível, e se houver algum problema que a TAP resolva no momento certo na esfera competente a quem de fato se deve.