Da Assessoria de Imprensa do Smiles:

Cliente Smiles garante a passagem que quiser e têm até 60 dias antes do voo para pagar

 

São Paulo, 3 de abril de  2017 – No Smiles já é possível emitir a passagem, garantir a viagem e pagar depois. Com o lançamento do Viaje Fácil, o cliente emite o bilhete, assegura o valor da passagem e ainda aproveita as promoções e bônus para juntar suas  milhas.

Como funciona – Basta acessar o site da Smiles, escolher destino, data e horário da viagem e emitir os bilhetes com a opção Viaje Fácil. Como o programa oferece passagens com até 330 dias de antecedência, o cliente terá até 60 dias antes da viagem para juntar as milhas e quitar o saldo. O pagamento pode ser feito com milhas ou a combinação milhas + dinheiro (Smiles & Money).

Ao quitar o saldo, o cliente será recompensado com milhas para a próxima viagem:

  • Clube Smiles e categoria Diamante – 4 mil milhas
  • Demais categorias (Smiles, Prata e Ouro) – 2 mil milhas.

O Viaje Fácil está disponível para o resgate de bilhetes das 13 companhias aéreas parceiras internacionais da Smiles – Delta, AirFrance, KLM, Qatar, Alitalia, TAP, Aerolíneas Argentinas, Etihad, Korean, Copa, Air Canada, Aeroméxico e Emirates. Futuramente, o serviço será estendido para voos GOL e todos os demais produtos e serviços Smiles.

“Eu convido quem ainda não é cliente Smiles a participar dessa experiência – voar com as melhores cias aéreas do mundo e ter até 60 dias antes do voo para quitar o saldo”, anuncia Leonel Andrade, CEO da Smiles. “Na Smiles você emite a passagem, garante a viagem e só traz as milhas depois! Assim, é possível aproveitar todas as promoções para juntar suas milhas sem juros, sem pressa! O cliente já pode emitir passagens para as férias de final de ano, Natal e Ano Novo e pagar só em outubro, garantindo já os melhores lugares”.

“O viajante de alta renda é o foco do Viaje Fácil. Ele tem a frequência de viajar ao exterior e quer se programar para a próxima viagem sem precisar se preocupar com a quantidade de milhas que tem na conta, na hora de reservar o voo”, completa o executivo.