COMPARTILHAR VIA
  • Essa informação perturbadora foi enviada por um amigo e leitor. A Porto Seguro alterou seu regulamento em Outubro de 2017 e passou a cortar as casas decimais na contabilização dos pontos.

Até Outubro de 2017 eram considerados todos os pontos, porém a partir dessa data somente os pontos inteiros serão contabilizados e as casas decimais eliminadas, o que é um prejuízo ao consumidor. Veja um print do novo regulamento abaixo.

A informação foi confirmada também pelo próprio atendimento da Porto. Na prática uma pessoa que faz muitas transações pode perder muitos pontos, como por exemplo alguém que realize 100 compras de por exemplo 9,90 dólares deveria receber 100 vezes 21,78 pontos = 2.178 pontos, porém receberá somente 2.100 pontos.

A princípio pode parecer pouco, mas para quem tem gasto elevado e constante no cartão ou até mesmo quem costuma transferir com bônus a perda é bem maior, pois numa promoção de pontos em dobro você perde em dobro aquilo que foi eliminado.

Se você perder 105 pontos por mês ao longo de 2 anos são um total de 2.500 pontos, que se transferidos com bônus para os programas nacionais pode até ser possível resgatar por uma passagem promocional com resgate diferenciado por 5.000 pontos, como acontece com Multiplus e Smiles volta e meia.

O valor do dólar considerado para concessão de pontos já é algo fora do normal, pois é utilizado o dólar turismo com spread do cartão sempre desfavorável ao consumidor e agora a empresa ainda elimina as casas decimais, ou seja, o consumidor só perde.

Na atual circunstância do Brasil as empresas deveriam fidelizar mais e sacrificar menos aqueles que a sustentam, pois atualmente os programas de fidelidade no mercado brasileiro estão deixando de ser recompensatórios para ser um mero instrumento de cash back ou desconto pouco significativo.

Consideramos atualmente a Porto seguro a melhor operadora de cartões de crédito no que diz respeito a benefícios, porém seu programa de pontos não é forte, e agora com esse corte deixa mais a desejar ainda. Pode parecer pouca coisa, mas é preciso apontar esse tipo de coisa que as empresas fazem com aqueles que são leais a elas, e mesmo que fosse 0,1 ponto, é um direito seu, e não existe melhor exemplo do que quando você recebe 1 centavo de troco, pois o vendedor demonstra que valoriza o seu capital e patrimônio. O que você achou disso? Concorda ou acha que é pouco pra se preocupar? Não teme que esse corte pode levar a outros?  

COMPARTILHAR VIA
Eloy da Fonseca Neto é apaixonado por viagens, e utiliza dos programas de fidelidade para levar sua família ao máximo de lugares possível. Criou o Blog Mestre das Milhas ao notar a falta de informações sobre pontos e milhas no Brasil, com a intenção de auxiliar a todos para que possam realizar cada vez mais viagens, e sempre ao lado de seus entes queridos.